Linkedin

Em um país com uma cultura tão social como é o Brasil, não é por acaso que as marcas (das micro até as macro), escolhem as redes sociais como um importante canal para se relacionar com seus clientes e prospects. Apesar do uso consolidado de ferramentas como o Facebook e o Instagram, entretanto, ainda percebemos que existe muito a ser explorado quando o assunto é Marketing no LinkedIn.
Justamente por esta ser a rede social com maior apelo e abertura para gerar negócios, achamos importante compartilhar nosso conhecimento e nossa experiência no planejamento e na gestão desta ferramenta nos projetos executados para nossos clientes. Confira!

Muito além de RH: conheça as ferramentas do LinkedIn

O primeiro ponto importante a trazer sobre o LinkedIn é que, apesar de ter uma forte utilização por parte de candidatos e recrutadores, ela não é uma rede social voltada apenas para o universo de Recursos Humanos.

Pelo contrário, ao longo dos últimos anos, a empresa tem desenvolvido novas funcionalidades voltadas para as estratégias de Marketing e Vendas, com recursos avançados para promover marcas e prospectar potenciais clientes.

As soluções corporativas do LinkedIn, combinadas a um planejamento bem executado, têm auxiliado empresas brasileiras a tornarem as suas campanhas mais assertivas e a chegarem de forma bastante direcionada aos seus potenciais clientes. Ou seja, se você pensa que o LinkedIn serve apenas para quem está procurando emprego ou precisa encontrar candidatos… está na hora de se aprofundar nas possibilidades disponíveis para Marketing e Vendas!

Principais recursos de Marketing no LinkedIn?

Quando falamos em soluções de Marketing e Vendas no LinkedIn, podemos listar alguns elementos principais:

1.Company Pages ou Páginas de Empresa

São as páginas de empresas dentro desta rede social, nas quais é possível associar vagas de emprego abertas, grupos de discussão e também Showcase Pages, que são páginas específicas de produtos ou serviços.

As páginas também possuem um feed de publicações, onde sua estratégia de conteúdo será compartilhada – da mesma forma como acontece no Facebook.

2.Ferramenta de Anúncios

Este é o mecanismo de gestão de campanhas de sua Company Page dentro do LinkedIn. A partir desta ferramenta, é possível programar diferentes tipos de anúncios e fazer segmentações a partir de informações como cargo, área de atuação, experiência, nome da empresa, entre outros.

Assim como outras ferramentas de publicidade online, também estão disponíveis as opções de segmentação por retargeting por meio de cookies de navegação ou por meio de lista de e-mails.

3. Sales Navigator

Esta é, na verdade, a ferramenta de vendas do LinkedIn, que permite segmentações avançadas e envio de mensagens comerciais para prospects, inclusive com integração com algumas ferramentas de CRM. Mas, como Marketing e Vendas não deixam de andar juntos, toda estratégia de Marketing no LinkedIn deve considerar também esta possibilidade e como esta ferramenta pode ser utilizada de forma mais eficiente pelo time comercial!

Marketing no LinkedIn: por que vale a pena investir?

E vale mesmo a pena iniciar ações em mais uma rede social? Especialmente se a sua marca atua no segmento B2B e com um processo de vendas mais complexo? Essas são perguntas que ouvimos com certa frequência dos nossos clientes e a resposta, invariavelmente, é sim!

Para ajudar nesta decisão, veja abaixo alguns números importantes sobre a presença desta rede social no mercado brasileiro:

  • 34 milhões de brasileiros estão cadastrados no LinkedIn;
  • 1 em cada 3 profissionais possuem conta nesta rede social;
  • 49% dos tomadores de decisão de empresas utilizam o LinkedIn para fins profissionais;
  • 31% de crescimento no tempo que os usuários ficam ativos na rede (comparativo entre junho de 2017 e junho de 2018).

Fonte: Midia Kit LinkedIn

Vale mencionar, ainda, que boa parte desses usuários aderiram ou se tornaram mais engajados na rede social nos últimos anos, quando ela começou a crescer de forma acelerada no Brasil e no mundo.

O que incluir na sua estratégia de LinkedIn Marketing?

Mas, se de fato vale a pena iniciar uma estratégia de Marketing no LinkedIn, quais são as ações recomendadas e os caminhos mais indicados a seguir para alcançar bons resultados? Abaixo listamos os principais eixos que consideramos ao planejar campanhas nesta rede social para empresas de pequeno e médio porte e atuação no mercado B2B.

Produção de conteúdo

Este item é básico, qualquer empresa que deseje ter sucesso ao investir em Marketing no LinkedIn precisa ter uma estratégia de conteúdo bem planejada para tal. E isso não significa apenas replicar o que já é feito no Facebook ou no Instagram.

Cada mídia social tem as suas próprias características e especificidades, portanto, demandam conteúdo que atendam ao que o público busca e considera interessante em cada uma delas. Ou seja, aquela frase motivacional pode funcionar muito bem no Instagram, mas no LinkedIn, dependendo do seu público-alvo, pode ficar bastante fora de contexto.

LinkedIn Ads

Já falamos sobre a ferramenta de anúncios do LinkedIn e, de fato, se a sua empresa está começando uma estratégia nesta rede social, fazer anúncios pagos é um empurrãozinho bastante necessário para acelerar o crescimento. Cada vez mais, assim como no Facebook, os resultados orgânicos se tornam mais restritos e a escalabilidade de uma página corporativa demanda anúncios muito bem direcionados como apoio.

Fazer anúncios pagos é importante, ainda, para acelerar a geração de leads, utilizando formatos para coleta de cadastros ou monitorando o acompanhamento de conversões. Em alguns casos, o LinkedIn é uma mídia paga que pode ser mais efetiva que o Google Ads ou o Facebook Ads.

Marketing pessoal

No segmento B2B, o marketing pessoal é essencial. Ao elaborar um planejamento de Marketing no LinkedIn, portanto, considere como os perfis pessoais dos executivos do negócio podem ser melhor posicionados nesta rede e de que forma as interações com clientes e prospects podem ser ampliadas.

Utilizar recursos como produção de artigos, compartilhamento de insights e mesmo prospecção 1 a 1 ajudam a promover a marca da empresa como um todo a partir de uma conta pessoal.

Social Selling

Social Selling é a venda a partir de redes sociais – não somente no LinkedIn, inclusive. Uma estratégia deste tipo pode ser conduzida tanto a partir dos perfis dos vendedores, quanto com o apoio da ferramenta Sales Navigator, que permite uma escala muito maior.

Apenas, o importante a lembrar é que a abordagem deve levar em conta o contexto no qual acontece: a navegação do prospect em uma rede social que, ainda que profissional, é bastante pessoal.

LinkedIn no Brasil: um extenso caminho a percorrer!

Quando falamos sobre Marketing no LinkedIn, não temos dúvidas de que existem ainda excelentes oportunidades a serem exploradas. E que não param de crescer! Por um lado, está o próprio LinkedIn aperfeiçoando a plataforma e desenvolvendo novas funcionalidades com foco em Vendas e Marketing. Por outro, o interesse dos brasileiros cresce a cada dia pelo uso desta rede social e pelas oportunidades profissionais e de networking que podem surgir em seu ambiente.

O fato é que as empresas que desejam gerar negócios, de forma cada vez mais assertiva, não podem ignorar a tendência de crescimento das oportunidades de Marketing no LinkedIn, que estão surgindo e ainda podem surgir. Agora, então, é hora de experimentar estratégias, testar ações e descobrir como colher os primeiros resultados!

Se a sua empresa tem dúvidas sobre como iniciar uma estratégia de Marketing no LinkedIn, a Fusão Online pode ajudar no planejamento e na execução deste projeto!